Hernanes se despede do São Paulo e, sem substituto, fará uma falta enorme

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 2,168

Pin
Hernanes disse adeus ao São Paulo. Goal

Hernanes se despede do São Paulo e, sem substituto, fará uma falta enorme

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 2,168

Volante foi o principal jogador 'tricolor' em 2017, e equipe começará a temporada sem o seu 'craque'.

Hernanes voltou com a missão de salvar o São Paulo do rebaixamento para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, e conseguiu. Com excelentes atuações e mostrando seu enorme talento, o meio-campista comandou o 'Tricolor', que teve uma boa reta final no Brasileirão e deu esperanças de um 2018 melhor para a sua torcida.

No entanto, a temporada mal começou e já veio o baque que diminui consideravelmente essas esperanças. Hernanes, que estava emprestado ao 'Tricolor' até o fim da Copa do Mundo pelo Hebei Fortune, da China, voltará ao clube chinês neste mês. Isso porque o time asiático acionou uma cláusula do contrato pedindo o retorno imediato do meio-campista.

Com isso, nesta sexta-feira (5), Hernanes deu entrevista coletiva e se despediu do São Paulo. Ele ainda fará uma última tentativa, mas provavelmente não vai defender o 'Tricolor' em 2018.

"Ainda vou fazer uma última tentativa, estando lá pessoalmente, tentar encontrar um caminho para permanecer. Fiz contrato de três anos (com o Hebei Fortune) e tenho mais dois anos, sendo que em metade de 2017 o São Paulo assinou o empréstimo, mas com a condição de ter essa cláusula que o clube hoje exerceu", lamentou.

"O São Paulo queria um ano de empréstimo, os chineses pediram seis meses e a cláusula. No começo de dezembro, eles exerceram a cláusula pedindo o retorno. Desde então, o São Paulo tem tentado de todas as formas me manter aqui. Conversei com dirigentes e treinador falando que seria importante permanecer, mas até então não teve jeito. Tenho de me reapresentar no dia 7", completou.

Com isso, Hernanes fará uma falta enorme ao São Paulo. Além de ter sido o líder e principal jogador da equipe em 2017, o meio-campista era, também, o jogador mais qualificado tecnicamente do elenco e o craque do time. Não existe ninguém com seu talento e suas características no plantel, e ele é insubstituível no Tricolor atualmente. A saída do Profeta tem um baque técnico e psicológico enorme no clube, que perde seu craque, seu líder e sua referência. Além dos feitos e talento, os números explicam a falta que o jogador fará.

Além disso, a volta para a China diminui as chances de Hernanes voltar à Seleção Brasileira, como ele mesmo admitiu. O Profeta vinha ganhando muita moral e a pressão sob o técnico Tite para convocá-lo vinha aumentando. Mas agora, deve diminuir.

"Se eu estivesse aqui atuando nesses meses, teria mais visibilidade. Indo para lá, com o campeonato começando só em março, vou fazer só amistosos. Eu vi o Tite falando, ele me conhece. Nesse período, além da minha qualidade, da minha força moral, de caráter, acho que foi algo improvável o que aconteceu: eu estava lá sem jogar e aqui aconteceu o que aconteceu", disse.

"Eu já provei o que posso fazer. Seria melhor se eu estivesse aqui, dando mais visibilidade ao que comecei. Mas não é o fim do mundo", afirmou Hernanes, que ainda garantiu não se arrepender de ter ido para a China, apesar da situação.

"Não tenho (arrependimento), eu vivia outra situação na Juventus. Não jogava... jogava pouco. Atuava fora da minha posição. Conversei com o treinador para jogar na minha posição, mas ele alegou que tinha evoluído e que estava bem naquela posição. Então, estava infeliz. Quando veio o clube chinês deu uma perspectiva, ainda que fosse em outro continente, de que fosse jogar na minha posição. Isso que me entusiasmou. Naquele momento assinei e não me arrependo de modo nenhum", concluiu.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 9,317 RANK 1
LEITURAS 22M RANK 2
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook